De prisioneiro dos campos nazistas a Chefe de Israel, autobiografia do Rabino Lau chega ao Brasil

Sucesso editorial e de crítica na França chega ao país pela Editora Leitura  

“Como menino, é verdade que não entendi tão bem a questão da barba e o significado da ordem de raspá-la, mas entendi que estavam espancando terrivelmente o meu pai. Uma criança não é capaz de ver o seu pai, a figura de herói com a qual ele se identifica, sendo humilhado. E eu, que sabia que o meu pai era o rabino-chefe da cidade, que todos reverenciavam e amavam, não consegui suportar o golpe e a humilhação…”

 Seguindo os desejos do pai de dar continuidade à 37º geração de rabinos na família, Israel Meir Lau chegou ao topo da doutrina judia, tornou-se Grão-Rabino de Israel. A conquista poderia ser comum se não fosse seu histórico de vida, já que foi um dos poucos sobreviventes dos extermínios nazistas. Na obra Lúlek, iniciada pela visão de criança até chegar aos olhos de líder de influência mundial, o judeu polonês conta sua trajetória de terror e superação durante o período do holocausto.

Aos cinco anos, Lúlek – como era chamado pela mãe – viu o pai ser espancado e morto por soldados da Gestapo, pois era rabino e líder comunitário de Pietrkow, na Polônia. Mais tarde, o garoto perdeu a mãe e o irmão de 13 anos, e foi preso pelos soldados alemães (SS) junto ao irmão mais velho, Naftali. Viveu a guerra dos três aos oito anos, quando finalmente foi libertado do campo de concentração de Buchenwald, e seguiu para Israel.

Narrada em primeira pessoa e carregada de emoção, a obra também elucida questões do Estado de Israel sobre o conflito com os palestinos, além de explicar a posição do judaísmo no mundo moderno. Israel Meir Lau, que ocupou por mais de 10 anos a posição de líder mais importante da religião judaica, já fez contato com líderes de todo o mundo, como Bill Clinton, Nelson Mandella, Papa João Paulo II, o ex-presidente do Brasil, Luis Inácio Lula da Silva, e até mesmo Fidel Castro.

Mais informações:
Lilian Comunica – Assessoria de Imprensa e Editorial
(11) 2275-6787 – @liliancomunica

 

Sucesso editorial e de crítica na França chega ao país pela Editora Leitura  

Sobre Livro Lúlek

A história do menino que saiu do campo de concentração para se tornar o Grão-Rabino de Israel.
Esta entrada foi publicada em Livro Lúlek, Sala de Imprensa. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s